INTRODUÇÃO

Pedrinhas e Cedovém são dois Lugares à beira mar, situados entre Ofir e a Apúlia, no concelho de Esposende - PORTUGAL.

Localizam-se num lugar calmo em cima do areal, onde pode almoçar e jantar com uma gastronomia típica local e poder usufruir de uma paisagem natural marítima Atlântica a uma temperatura do Litoral do Sul da Europa .
Onde construções CELTAS desabrocham de fundações milenares, que resulta uma relação de interligação com a paisagem. Os caminhos e os percursos de acesso ainda se encontram em areia e criam uma composição que conjuga de forma perfeita entre a topografia e época das construções, o que dá um cunho único ao Lugar. Se estivermos acompanhados com alguém especial, imediatamente nos apaixonamos e nunca mais conseguimos cortar o "cordão umbilical" com este LUGAR cheio de magia e de uma beleza natural única.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Câmara Esposende não aumenta preço da água por causa da crise


A Câmara de Esposende não vai aumentar, em 2014, o preço da água, "numa perspectiva de apoio às famílias, atendendo à difícil conjuntura que o país atravessa", informou hoje o Município.

Blogue Pedrinhas&Cedovém com Noticias ao Minuto

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

A PRENDA DE NATAL PARA OS PROPRIETÁRIOS


No âmbito da acção para reconhecimento da propriedade privada (atuar contra o roubo público) no “Lugar de Pedrinhas e Cedovém”, vimos informar todos os proprietários que, pela Lei n.º 78/2013, de 21 de Novembro, foi prorrogado para o dia 1 DE JULHO DE 2014 o prazo máximo para intentar a acção.
Todos os interessados dispõem assim de mais meio ano para atuar judicialmente e proteger a sua propriedade privada. 

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Extinção da Parque Expo prevista para este ano, adiada para 2014



Jorge Moreira da Silva
disse:
"Não tendo sido possível extinguir a Parque Expo em 2013, está previsto que essa liquidação ocorra em 2014. E, para evitar uma duplicação de fundos, dei instruções para que as Sociedades Polis possam continuar a beneficiar do apoio técnico da Parque Expo enquanto esta não é liquidada"

«O ministro falava à margem de uma conferência sobre a proposta de Lei de Bases da Política Pública de Solos, de Ordenamento do Território e do Urbanismo, em Lisboa.
A extinção da empresa pública foi anunciada em 2011 pela então ministra do Ambiente. Em Junho deste ano - quando ainda tutelava a pasta do Ambiente - Assunção Cristas afirmou, no Parlamento, que o seu ministério estava "em condições de fechar a Parque Expo até ao final do ano e, se tal não acontecesse, que se devia ao compromisso de pagamento de dívidas de 250 milhões de euros", dependente de poder ser incluído nas contas públicas sem afetar o défice público.
Na ocasião, Assunção Cristas frisou perante os deputados que a Parque Expo "cumpriu a sua função e agora resta a extinção", já que a gestão urbana passou para a Câmara de Lisboa e Câmara de Loures e o Pavilhão Atlântico foi vendido a privados.
"A liquidação de uma empresa é sempre muito difícil. O conselho de administração da Parque Expo conseguiu passar de 200 para 98 pessoas [funcionários] e isso foi realizado num contexto de uma grande paz social e com opções eficientes do ponto de vista económico, mas não é uma opção simples liquidar uma empresa de um momento para o outro. Não foi possível liquidar ainda este ano, será liquidada durante o próximo ano", justificou Jorge Moreira da Silva, sem no entanto avançar uma data concreta para a sua extinção.
O governante acrescentou que, até à sua liquidação, as equipas técnicas da Parque Expo vão continuar a apoiar as Sociedades Polis [Polis Litoral, que incide sobre a Ria Formosa (Algarve), Litoral Norte, Ria de Aveiro e Litoral Sudoeste], uma vez que a "reabilitação e regeneração do Litoral é a grande prioridade orçamental do Ministério do Ambiente para 2014".

O investimento previsto é de 300 milhões de euros, sendo que 80% desse valor advém de fundos comunitários.»

Blogue Pedrinhas&Cedovém com negócios online

POLITICAS REAIS DE UMA REMODELAÇÃO

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Foi inaugurado após 3 anos parado o Sistema Integrado de Vigilância de Comando e Controle (SIVICC)

 
Passados 3 anos depois do previsto é que foi inaugurado pelo Sr. Ministro Miguel da Costa Macedo o Sistema Integrado de vigilância Integrado de Comando e Controle (SIVICC), que vem aumentar a segurança interna dos estados membros, sobretudo a impedir passagem não autorizada, diminuir o número de imigrantes ilegais que perdem a vida no mar e contribuir a prevenção da criminalidade no tráfego de droga.
Esta segunda-feira, dia dois de Dezembro, Miguel da Costa Macedo até constatou «o fim do calvário», tendo em conta as «dificuldades e problemas» que se levantaram ao longo dos anos no terreno para colocar o sistema totalmente operacional.

Blogue Pedrinhas & Cedovém com TVI24

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Polis Litoral Norte vai construir duna por 2 milhões de Euros

Ontem a Polis Litoral Norte comunicou publicamente na necessidade de assorear o Rio Cávado ao ponto de erguer uma duna artificial.
 
Não percebo nada! Temos andado a pagar para dragar a foz do Rio Cávado, e agora vamos pagar para o assorear??? 2 milhões de Euros??? proteção civil????
 


Blogue Pedrinhas&Cedovém com RTP

Resultado da Sondagem - RESPONSABILIDADE DA VALIMAR

A Valimar Comurb que produziu o plano estratégico da Polis Litoral Norte, e que foi constituída em Março de 2004, o seu gestor foi Paulo Queiroz e o presidente o Dr. Francisco Araújo, poder-se-á atribuir a responsabilidade hoje pelos seus erros praticados?
SIM ------ 100%
TALVEZ - 0%
NÃO ----- 0%

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

PORTUGAL vai crescer...


Portugal é um dos países
que está a caminho de crescer dos seus
92.000 Km2 
para um tamanho
dos 4.000.000 Km2

ANMP diz poder "criar uma enorme injustiça" sobre as Sociedades Polis Litoral

A Associação Nacional de Municípios (ANMP) considera que a disponibilização de verbas do capital das sociedades Polis prevista na proposta de Orçamento do Estado para 2014 (OE 2014) pode ser uma enorme injustiça, em relação às Sociedades Polis Litoral.

«Na proposta de OE2014, lê-se, no artigo referente à "afetação de verbas resultantes do encerramento de contratos-programa realizados no âmbito do Programa Polis ", que esta alocação de verbas resultantes do capital social das sociedades Polis poderá chegar aos 6.000.000 euros e estará dependente de "autorização do membro do Governo responsável pela área das Finanças".»

Blogue Pedrinhas & Cedovém com negócios online

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

CARTA 1963 - GRAMADOIRO PEDRINHAS & CEDO BEM

EXTRATO DO MAPA DE PORTUGAL

JÁ NÃO É... E NÃO DEIXA DE SER!

 
A cerca que guardava áreas com espécies vegetais que estavam em risco de desparecer, cuja função era protege-las para que não fossem pisadas, danificadas e até destruídas. Hoje o Parque Litoral de Esposende, para além de nunca mais ter feito a sua manutenção, elas ficaram quase na sua totalidade enterradas na areia, deixando por completo de exercer as suas funções de proteção. Hoje são uma verdadeira ratoeira para qualquer transeunte menos atento.
 
É impressionante como podemos ver nesta imagem a cerca que à uns anos atrás tinha uma altura de 1 metro e meio de altura e com o movimento natural das areias encontra-se hoje praticamente enterrada.  

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Reposição de areia na praia de Ofir



"Tiveram início os trabalhos de reposição de areia na praia de Ofir, em Esposende, uma área considerada crítica devido à erosão que tem vindo a desgastar os sistemas dunares, fundamentais para evitar a inundação das zonas edificadas.

Segundo informação da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), a intervenção realizada através da Administração da Região Hidrográfica do Norte, está orçada em cerca de 25 mil euros. Os trabalhos fazem parte das acções prioritárias identificadas no Plano de Acção de Valorização e Protecção do Litoral 2012-2015.

A acção desenvolve-se numa extensão de aproximadamente 220 metros e destina-se ao reforço da faixa superior da praia, em frente ao hotel e edifícios de habitação, recorrendo à movimentação e ripagem de areias com carácter de urgência e exigirá reposições anuais. A APA salienta que a área agora intervencionada “está há vários anos identificada como crítica, uma vez que a erosão tem vindo a desgastar os sistemas dunares que até agora têm evitado a inundação das zonas edificadas.”

A intervenção é financiada em 85 por cento pelo Programa Operacional Temático Valorização do Território e, em 15 por cento, pelo Fundo de Protecção de Recursos Hídricos"
 
Blogue Pedrinhas&Cedovém com Portal Ambiente Online

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Caminha: município apresenta programa Polis e projecto para a requalificação da marginal

 
"Foi apresentado no dia 19 o Programa Polis Litoral Norte para o concelho de Caminha. Dentro das ações previstas foi explicado o projeto para a requalificação da marginal da vila. A apresentação decorreu no Cine Teatro Valadares.

Depois de um interregno na execução da Polis, por necessidade de reprogramação das verbas do QREN e devido também ao processo em curso para a extinção da Parque Expo, que era a entidade executora da Polis, o programa foi prolongado, permitindo a concretização dos projetos contemplados
."

Blogue Pedrinhas&Cedovém com Correio do Minho

domingo, 22 de setembro de 2013

Se há dinheiro para gastar então gasta-se ... nem que seja em terços!

João Cepa presidente da Câmara de Esposende oferece 2.000 terços com dinheiros públicos.

A câmara de Esposende gastou 5.266€ na compra de terços para oferecer aos idosos do concelho numa festa que incluiu uma viagem a Fátima, que custou 16.560 €.

domingo, 1 de setembro de 2013

Quase meio milhão de euros para requalificar praia em Viana

A requalificação da praia de Afife, em Viana do Castelo, vai custar quase meio milhão de euros, segundo o concurso público desta empreitada, lançado pela sociedade Polis do Litoral Norte e consultado pela agência Lusa.
Blogue Pedrinhas&Cedovém com Noticias ao Minuto

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Praia Vigiada na Zona Ceduvém - Pedrinhas

Este ano congratulamos a Câmara Municipal de Esposende, pelo novo apoio de praia, o qual é constituído por nadadores salvadores, que prestam serviços diariamente, tendo iniciado no passado dia 1 de Julho até ao próximo dia 15 de Setembro do presente ano 2013.

Estão de parabéns o Sr. Presidente da Câmara Municipal de Esposende, pelo pedido e o Sr. Capitão-de-Fragata, Paulo Manuel Gonçalves da Silva, da Capitania do Porto de Viana do Castelo pela cedência da concessão, pois aqui demonstram a sua sensibilidade e preocupação, pelos afogamentos que houve nos anos anteriores.
Até ao dia 1 Julho de 2013, quem socorria os veraneantes e banhistas, eram: os pescadores (ver Adriano Ribeiro), os proprietários e os residentes de Cedovém e Pedrinhas.
 


segunda-feira, 22 de julho de 2013

Musica desta Terra Celta, Portuguesa

 
"CANÇÃO DO MARINHEIRO"
PORTUGAL
Querida MÁTRIA, porquê?
 ...que nos fazes
 sofrer tanto...
...quando nós te damos tanto!


terça-feira, 16 de julho de 2013

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Portugal vai apresentar uma seleção de oito canoístas no I Campeonato do Mundo de surf ski, que decorre de sexta-feira a domingo entre Esposende e Vila do Conde.

Portugal com oito canoistas nos primeiros Mundiais de Surf Ski      

    Luís Ventura Varino (CN Setúbal), Guilherme Cabral e Sofia Coelho (ambos do CN Sesimbra) são os seniores portugueses em competição na prova de 22 quilómetros, entre a praia de Ofir, passa por Pedrinhas, Cedovém e termina no Forte de S. João em Vila do Conde, são mais de 300 canoístas de 32 países, num percurso de 22 Km/s, e que também vai decorrer nos escalões sub-23 e juniores.
    A seleção foi definida mediante o desempenho dos canoístas no campeonato nacional de canoagem de mar em 2013.

Blogue Pedrinhas&Cedovém com Diário Digital e Lusa e Porto 24

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Mais de 20 carros vandalizados nas Pedrinhas

 
 
"Mais de duas dezenas de carros foram danificados na quinta-feira, na zona da discoteca Pacha, em Ofir, Esposende. Os proprietários estacionaram os carros na ruas do pinhal de Ofir, para poderem aproveitar o dia de praia.
Os donos dos veículos foram alertados pela presença da GNR no local, depois de alguns veraneantes terem detetado atos de vandalismo nos seus carros. "Havia vidros partidos, portas riscadas. Em pleno dia não sei como é possível", dizia João Ferreira, morador em Apúlia.
Alarmados, muitos dos proprietários interromperam o dia de praia, abandonando o local. "Mesmo aqueles que não tinham o carro vandalizado decidiram ir embora, com medo daquilo que pudesse vir a acontecer", disse Mário Relvas, residente em Braga que foi dos primeiros a aperceber-se da situação.
Segundo fonte da GNR, as ocorrências de furto e vandalismo em viaturas tem sido detetadas naquela zona balnear, nos últimos dias. Ontem havia referência a danos em carros em pelo menos três locais distintos da zona de Ofir.
A GNR esteve no local, tomou conta de ocorrência e ficou a patrulhar a zona envolvente."
JN

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Temos de pagar 50 milhões de euros e mais 20 milhões se não houver acidentes na A28...???

O Estado tem de pagar 20 milhões de euros à concessão na PPP, se houver uma redução de 10% da sinistralidade na A28  (autoestrada de Viana)...???

O Estado foi tomado por interesses e lobbies!


quinta-feira, 20 de junho de 2013

Empresa ERI de Jacques Hudry e o MP

O Jornal JN edição do Norte de hoje noticia que a empresa Sociedade ERI, Lda de Jacques Hudry, proprietaria de terrenos na zona litoral de Afife, pede 50 milhões de euros, pela violação de direitos de propriedade privada e pela desvalorização dos terrenos que comprou em 1960, com o acordo de construir 33 hectares, mas que desde 1990 se encontram dentro do Plano de Ordenamento da Orla Costeira (POOC) e assim afectos à reserva ecológica, o que impossibilita não poder construir.
 
Neste caso a violação dos direitos de propriedade deveu-se à acção de agentes da administração central e administração local que em vez de defenderem a legalidade a atropelam para tentar beneficiar os interesses de organismos a que se encontram ligados.
 
O JN afirma que o Ministério Público chegou a um acordo com o Hudry, que deve ter sido tão bom que o próprio jornal não conseguiu apurar a decisão.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Barco funerário viking é encontrado na Escócia

Ciencia e Saúde


Um barco funerário viking completamente intacto foi encontrado pela primeira vez na costa noroeste da Escócia, segundo arqueólogos britânicos. Objetos de bronze, incluindo uma faca, um machado e uma espada, foram encontrados juntamente com os restos do corpo e do barco onde ele foi enterrado. O sítio arqueológico, que fica na região de Ardnamurchan, teria mais de mil anos. De acordo com especialistas, as armas indicam que o homem era um guerreiro viking de alta patente. No entanto, os objetos tiveram que passar por um raio-X para que se conhecesse mais detalhes sobre eles, já que estavam cobertos de ferrugem. O hábito de enterrar os pertences do falecido junto com seu corpo fazia parte da cultura viking. VEJA VÍDEO

quinta-feira, 30 de maio de 2013

terça-feira, 21 de maio de 2013

ERROS DE HOJE, IGUAIS AOS DE ONTEM....

Relvas recebeu 14 mil euros de reforma
"O ministro Adjunto já está reformado. Miguel Relvas, de 51 anos, optou por suspender a sua pensão quando aceitou integrar o Governo liderado por Passos Coelho, dando cumprimento à lei que impede a acumulação de salários com pensões aos titulares de cargos políticos.
A subvenção vitalícia de Relvas é de 2800 euros por mês. No ano passado, a Caixa Geral de Aposentações pagou mais de 14 mil euros ao ministro adjunto a título de pensão vitalícia, um pagamento que foi suspenso quando tomou posse no actual Governo.
Miguel Relvas junta-se assim a Dias Loureiro, Armando Vara, António Vitorino e Zita Seabra no grupo de políticos que pediram a pensão vitalícia, uma regalia que terminou em Outubro de 2005. "
   
 

A presente realidade existe quando não se conhece o nosso passado.

Quem despreza a sua história, volta a cometer os mesmos erros!
 
"Povo sem passado, é povo sem memória, é povo sem futuro!" (Ditado Popular)


No Principio do Séc. XX, Zé Povinho a carregar a Nau do Estado, com as suas reformas constitucionais, moralidades e economia.

quarta-feira, 1 de maio de 2013

HÁ REALMENTE A INTENSÃO DE COMBATER A EROSÃO COSTEIRA???

CRISE E REDUÇÃO DE FUNDOS EUROPEUS DIFICULTAM COMBATE À EROSÃO COSTEIRA
 
A noticia que hoje vem no JN, e que faz referencia à erosão e às medidas a dotar no combate à erosão costeira, onde os cientistas só apresentam 3 regiões, sendo elas no centro e sul do país.
Curiosamente a noticia apresenta uma imagem do Lugar das Pedrinhas como exemplo, lugar onde a população considera que é um lugar de risco muito grave, como também achou o jornalista do JN para a colocar no artigo. Porém o projeto que está em fase de conclusão da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa não engloba o Lugar das Pedrinhas e de Cedovém. Não engloba, porque o estudo realizado tem o fim de adotar medidas, que passam pelo mecanismo de bloqueio da água do mar e aqui todos sabem que a erosão é derivada pelos esporões, e as medidas a tomar é a sua remoção.
 
"ESPORÃO rima com EROSÃO"
 



terça-feira, 30 de abril de 2013

João Cepa quer Parque Natural do Litoral com o nome de Esposende

«A autarquia de Esposende quer alterar a dominação do Parque Natural do Litoral Norte para Parque Natural do Litoral de Esposende.

Na base desta revisão de estatuto, enviada e exposta por carta de João Cepa, presidente da Câmara de Esposende, esta segunda-feira à Ministra da Agricultura, Assunção Cristas, está o facto do alargamento da área da antiga Área de Paisagem Protegida do Litoral de Esposende (APPLE) ao concelhos de Viana do Castelo e Póvoa de Varzim "nunca se ter verificado".
"O estatuto de PNLN teve como base de criação o alargamento da APPLE aos concelhos contíguos, processo que até à data não se verificou, confinando-se esta área protegida, assim, unicamente ao território de um município: Esposende", refere João Cepa.
O edil acrescenta ainda que a revisão deste estatuto iria poupar recursos e simplificar procedimentos administrativos. "A maior proximidade dos órgãos de gestão permitirá maior rapidez de decisão e de resposta. De facto, constata-se hoje que a entidade que gere o Parque Natural possui, incompreensivelmente, os seus órgãos de decisão e o seu apoio técnico sedeados em concelhos/distritos distantes", lamenta João Cepa na carta enviada a Assunção Cristas.
O autarca de Esposende acrescenta ainda no documento que os técnicos do PNLN não têm recursos e recorrem sempre à Câmara de Esposende para resolver os problemas. "Invariavelmente esta autarquia é surpreendida com informações de impossibilidade de realização de ações por parte dos técnicos afectos ao Parque Natural, assistindo-se a apelos de colaboração por parte dos mesmos, que, não dispondo de recursos, se têm que socorrer invariavelmente do município", frisa João Cepa, que quer o estatuto do PNLN revisto para um Parque Natural local.»
JN

terça-feira, 16 de abril de 2013

Heritage at risk - Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2013 - Património+Educação=Identidade - 18 de Abril

"Cerca de 490 atividades vão marcar, por todo o Território Continental e Regiões Autónomas, a 18 de abril, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios 2013.
Distribuídas por 170 concelhos, 298 entidades públicas e privadas associam-se à Direcção Geral do Património Cultural ao ICOMOS Portugal nas comemorações deste ano, subordinadas ao tema Património+Educação=Identidade"

A necessidade de divulgar e proteger o património que é de todos como o Lugar das Pedrinhas e Cedovém é urgente

ALSO THESE PLACES ARE IN DANGER
PLEASE
HELP US
FOR NOT TO FORGET OUR IDENTITY
 


"Para assinalar o Dia internacional dos Monumentos e Sítios, o ICOMOS Internacional (Conselho Internacional dos Monumentos e Sítios) elegeu como tema de celebração, para 2013, o Património da Educação, tendo em atenção o vastíssimo legado relacionado com a aprendizagem e o conhecimento, que encontra a sua materialização em inúmeros conjuntos e elementos de património arquitetónico, património móvel e património imaterial, de diferentes escalas e valor, e em diversos contextos, espalhados por todo o país.
Tendo por base esta proposta, a Direção-Geral do Património Cultural, à semelhança das edições anteriores, apresenta uma programação geral que inclui um conjunto de atividades atrativas para o público, subordinadas ao tema PATRIMÓNIO + EDUCAÇÃO = IDENTIDADE, dentro do espírito de que o futuro depende muito do reforço das identidades e de que a educação, e os diferentes patrimónios que plasmam o conhecimento, são contributos insubstituíveis para esse fim."

terça-feira, 9 de abril de 2013

Governo abre direção e coordenação dos programas Polis a entidades privadas

 
"Redação, 05 abr (Lusa) - O Governo vai abrir a empresas privadas especializadas em gestão de projetos as funções de direção e coordenação geral dos programas de requalificação Polis Cidades e Polis Litoral, segundo um Decreto-Lei publicado em Diário da República.
A iniciativa do Ministério da Agricultura, do Mar, do Ambiente e Ordenamento do Território enquadra-se no processo de extinção da empresa Parque Expo, que detém aquelas funções.
De acordo com o texto do Decreto-Lei 48/2013, a conclusão das funções da Parque Expo constitui "uma oportunidade para concretizar um novo e desejável modelo" de gestão do Programa Polis Cidades e das Operações Polis Litoral."

EXPRESSO

quarta-feira, 3 de abril de 2013

terça-feira, 26 de março de 2013

Pedrinhas 1965

Nesta fotografia de 1965, podemos ver a praia antes da construção do esporão e verificar que a praia nesta altura tinha um vastissimo areal. Havia espaço para os barcos repousarem, espaço para espalhar o sargaço, espaço para brincar. O que não faltava nas Pedrinhas era espaço na praia, em frente às casas.

terça-feira, 19 de março de 2013

Luz verde para a Polis Litoral Norte avançar

O governo prorrogou a existência da Sociedade Polis.
A Polis Litoral Norte que ficaria extinta este ano, foi revitalizada por mais um.
Assim sendo, no dia 27 de Março haverá assembleia-geral para nomear o conselho de administração e discutir o futuro da sociedade. 

Câmara Municipal de Esposende investe 1,5 milhões de euros no desporto

Estando o país em grandes dificuldades financeiras, hoje a Câmara de Esposende transborda dinheiro dos seus cofres e em conferênçia de imprensa João Cepa avançou que esta verba corresponde a "mais de 10% do orçamento total" da Câmara e que se traduz no " maior investimento feito nesta área nos últimos 15 anos"
Segundo o presidente da Câmara de Esposende a Câmara aposta na cidade, que se assuma como um município voltado para o turismo e na criação de vários eventos deverão mobilizar cerca de "10 mil atletas e mais de 50 mil espectadores e acompanhantes"

O MIRANTE.PT

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Polis Litoral Norte lança novas empreitadas com apoios comunitários e a CAPACIDADE DE EROSÃO DO ESPORÃO

 


"Foi aprovado pelo Programa Operacional Temático de Valorização do Território, o financiamento de um conjunto de acções de reabilitação e valorização da costa litoral Norte, que visam a preservação dos ecossistemas naturais e a protecção de pessoas e bens. São elas:
  • ...
  • Reestruturação e consolidação das estruturas marítimas de defesa costeira em Ofir (2 esporões);
  • ...
  • Reabilitação de passadiços pedonais de acesso às praias dos concelhos de ... e Esposende;
  •  Recuperação, protecção dos sistemas dunares e renaturalização de áreas naturais degradadas na Restinga de Ofir;
  • ..."
"Recorde-se que no âmbito do programa Polis Litoral Norte foram concretizadas, até ao momento, 3 empreitadas, nomeadamente a Requalificação dos arruamentos Interiores do Pinhal de Ofir, Execução dos Percursos da Natureza do Parque Natural do Litoral Norte e Requalificação da Zona Ribeirinha de Esposende. Presentemente está a decorrer o concurso público da empreitada de Requalificação da Zona Ribeirinha de Fão."
 
 
Parece incrível, na situação difícil em que o país se encontra, continua-se a insistir em tudo que estava errado. Está provado hoje no séc. XXI que os esporões são os maiores inimigos da costa portuguesa. 
 
Consolidar esporões em nome da valorização da costa??
 
Quanto à proteção de pessoas e bens, qual é a intervenção????
 
Houve uma reavaliação da situação atual??. Não.
 
Ouvirão a população???
 
E é assim que se gasta dinheiro dos apoios comunitários. 


quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Câmara Municipal de Esposende comunica que: O Programa Polis Litoral Norte vai investir cerca de 17 milhões de euros na valorização e reabilitação da costa de Caminha, Viana do Castelo e Esposende

  
"O investimento foi aprovado no âmbito do Programa Operacional Temático de Valorização do Território (POVT), sendo que 11,8 milhões de euros são financiados pela Comunidade Europeia, avança ainda a autarquia assegurando que as intervenções deverão estar concretizadas até final de 2014.
Estas obras eram há muito esperadas pelo presidente da Câmara de Esposende, João Cepa que, em agosto de 2011, chegou a anunciar publicamente que iria abandonar a Sociedade Polis Litoral Norte, alegando «falta de diálogo com o Governo e fraca execução do projeto»."

Diário Digital
EXPRESSO
VISÃO

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

15 milhões de euros agora para a Polis Litoral Norte, o resto para mais tarde


O deputado social-democrata Eduardo Teixeira afirmou que com a aprovação de um pacote de fundos comunitários, permitirá realizar «investimentos prioritários» no montante de 23 milhões de euros, dos quais 15 milhões de euros já este ano 2013 e sublinhou:

«Podemos dizer que os investimentos estão agora concentrados nas obras que são essenciais, algo que não acontecia até agora. A prioridade é realizar intervenções em áreas em que estava em causa a segurança de pessoas e bens, mas também que potenciem a atividade económica e turística do litoral»

TVI24
Polis do Litoral Norte vai «finalmente sair do papel»

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

O número de Câmaras a reduzirem a sua participação na Sociedade Polis Litoral aumenta

O número de Câmaras que têm vindo em Assembleia Municipal aprovar a redução da participação do seu município na Sociedade Polis Litoral têm vindo a aumentar. A retirada de verbas por parte do governo, tem contribuído para que autarcas responsáveis reduzam os encargos financeiros previstos nos investimentos planeados e consigam proporcionar um melhor bem estar aos seus munícipes, dada à atual conjuntura económica. Uma dessas Câmara foi a de Sines (Rádio de Sines) em 20 de Dezembro, por unanimidade.

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Ciclovia entre Apúlia (Esposende) e Seixas (Caminha) não deverá sair da gaveta

As Obras de defesa da orla costeira, que deviam realmente estar previstas com o caráter de proteger e salvaguardar pessoas, animais, bens e o próprio Património no Programa Polis Litoral Norte, restringe-se à aberração de não só atacar, mas também de demolir bens, Património e construir uma ciclovia junto à costa, paliçadas e  plantar feno.
A ciclovia como o JN afirma, está estimada em 8 milhões de euros. Luís Oliveira do JN soube que uma assembleia geral com vista ao prolongamento do Polis Litoral Norte, chegou a estar agendada para Janeiro, mas no entanto foi adiada com a esperança de se saber mais alguma noticia  do financiamento destas aberrações de construções, que foram "cozinhadas" e "arranjadas" sem ouvir a opinião dos residentes, moradores, proprietários e utentes (nem a própria Junta de Freguesia).

JN 14-01-2013
 


segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Viana de Lima - Celebridades ligadas às Pedrinhas

Alfredo Evangelista Viana de Lima, foi um arquiteto, que esteve ligado ao Lugar das Pedrinhas, talvez por ter nascido em Esposende em 1913 e se ter formado com 19 valores, em 1941, na ESBAP (Escola Superior de Belas Artes do Porto). Rapidamente se tornou um dos grandes nomes da Arquitetura moderna Portuguesa. Pertenceu ao CIAM - Congressos Internacionais da Arquitetura Moderna, tendo participado em todos os encontros, foi membro do grupo ODAM, Organização dos Arquitectos Modernos - Porto 1947/52, conjuntamente com outras figuras proeminentes da Arquitetura Portuguesa, tais como: Agostinho Ricca, Arménio Losa, Cassiano Barbosa, Carlos Loureiro, Fernando Távora, João Anderson, Mário Bonito e outros.
Em 1961, tornou-se professor na escola Superior de Belas Arte do Porto - Permanece até 1977. Na altura em que foi consultor da UNESCO, foi também nomeado presidente da Comissão Nacional do Ano do Património Arquitetonico Europeu em 1975, reconhecendo mais seriamente que o Lugar das Pedrinhas tem algo de especial, diferente de todos os outros e que para isso havia a necessidade de preservar, conservar e manter.
Viana de Lima em 1977 foi o arquitecto consultor do CRUARB - Comissariado para a renovação Urbana da àrea da Ribeira/Barredo, na cidade do Porto e em 1977-1988 torna-se presidente da Comissão Organizadora do Instituto de Salva guarda do Património Cultural e Natural, tendo vindo à conversa o Lugar das Pedrinhas e Cedovém no intuito de salva guardar, mas em nada ficou concretizado.
Viana de Lima projecta mais tarde para si em Esposende uma casa num moinho já com a sensibilidade e a maturidade de não estragar ou apagar a tradição vernecular. Contudo ao trágico acidente dos seus dois filhos, em 1960, leva o Arquitecto a doar por testamento à Faculdade de Arquitetura do Porto (FAUP), no intuito de se realizar um prémio para os melhores alunos da FAUP e FBAUP. O imóvel foi vendido e actualmente é pertença da Câmara Municipal de Esposende que o tem mantido fechado, e não o valorizado.